AVSI COMUNICA /
Cleide Gomes
Mãe de beneficiárias
Ciranda Esportiva (BA)


 

Tenho duas filhas que participam do projeto. Logo quando eu tomei conhecimento sobre o projeto corri atrás, mas minhas filhas não podiam participar, a menor pela idade e a mais velha porque não estudava na comunidade. Esse ano, o projeto abriu mais inscrições e elas começaram a participar.

 

Antes de fazer parte do ciranda, as duas eram loucas para participar por ouvir falar e eu queria muito coloca-las para ocupar o tempo e para elas aprenderem outras atividades que estão fora do currículo escolar, proporcionando aprendizagem e conhecimento. Antes de minhas filhas participarem eu já gostava muito das atividades desenvolvidas pelo ciranda esportiva e educativa porque acontece no local onde minhas filhas estão inseridas, na comunidade. São as crianças e os jovens que elas têm contato, então se esses jovens melhoram, as crianças melhoram, minhas filhas também melhoram no aprendizado.

 

No projeto elas também aprendem a conviver com o outro, fora da escola, e no esporte descobrem como lidar melhor com as emoções, trabalhando a alegria, tristeza, raiva e compartilhando com os colegas. Aqui elas encontram o apoio para ser uma pessoa melhor, e o projeto vai ajudar no crescimento das minhas filhas como pessoa, como cidadã e como ser humano.


Compartilhe
Imprimir ou enviar por e-mail

 






Sede: Salvador - Bahia - Brasil / 71 3555-3355 / salvador@avsi.org - Filiais e escritórios: Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Roraima.