AVSI COMUNICA /

MORADORES DE CATU REALIZAM PROCESSO SELETIVO PARA CURSO PROFISSIONALIZANTE

Jovens e adultos buscam uma vaga no curso de eletricista industrial oferecido no âmbito do Ciranda Viva Recôncavo
Publicada em 10/02/2014
Moradores de Catu Moradores de Catu

O último sábado, dia 8, foi um dia especial para os moradores das comunidades de Flechas, Pedras e Veadinho, no município de Catu (BA). No total, 52 pessoas realizaram a prova de conhecimentos gerais para concorrer a uma das 40 vagas do curso profissionalizante de Eletricista Industrial.

 

O curso é fruto da parceria com a prefeitura, por meio do Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego). As aulas específicas serão ministradas pelo SENAI CIMATEC, e a formação humana será complementada pela AVSI.

 

A iniciativa é uma das primeiras ações do Ciranda Viva Recôncavo – programa de responsabilidade social da PetroReconcavo, realizado pela AVSI, em Catu.

 

A avaliação escrita foi a primeira etapa do processo seletivo, que contará ainda com uma entrevista individual. O resultado final será divulgado até dia 21 de fevereiro.

 

Expectativas dos candidatos

 

A maior parte do público inscrito no processo seletivo é formado por mulheres, como Sirlene Souza, 37 anos, moradora da comunidade de Pedras. A dona de casa reconhece no curso uma oportunidade para ter um emprego e sustentar os filhos.

 

O sustento da família também foi a motivação de Maria Josenir dos Santos, 18 anos. Para a jovem, com a qualificação profissional será mais fácil encontrar um emprego. “Pretendo encontrar um trabalho o mais rápido possível, para ajudar no futuro de minha filha”, conta.

 

Vanuza de Araújo, 30 anos, conta que a capacitação será importante para realizar um desejo pessoal. “Eu sempre pensei em fazer um curso profissionalizante, mas nunca tive oportunidade. Fazer um curso como esse vai me ajudar a ter uma profissão. Depois posso pensar em uma faculdade”, planeja.

 

Mobilização na comunidade

 

Daniela Gonçalves, presidente da Associação de Moradores de Flechas, conta que divulgou o curso de casa em casa. Além de incentivar a participação de todos, ela também se inscreveu no processo seletivo. A motivação de Daniela partiu do exemplo familiar. “Meu pai trabalhou como eletricista durante muitos anos. Eu queria ser como ele. Agora surgiu a oportunidade”, comenta.

 

O presidente da Associação de Moradores de Veadinho, José Domingues, comemorou a realização da iniciativa. Ele lembra que anteriormente outras empresas mencionaram propostas para a região, porém não se concretizaram. Contente com os primeiros resultados da parceria, comemora: “Esse já é um passo que a comunidade vem dando junto com a Petroreconcavo”.

 

O curso

 

A qualificação profissional básica em Eletricista Industrial oferecida pelo SENAI CIMATEC para os moradores Catu é composta por 3 horas/aulas de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h, totalizando 300 horas de curso.

 

Os 40 jovens e adultos selecionados receberão fardamento, material didático e um auxílio no valor de R$8,00 por dia de aula assistido (cerca de R$160,00 por mês). O Ciranda Viva colabora com a seleção dos alunos e oferecerá transporte, formação humana e apoio para inserção no mercado de trabalho.

 

Os classificados iniciarão o curso no dia 10 de março e concluirão a formação profissionalizante em 13 de junho. As aulas ocorrerão na sede do SENAI, em Catu.

 




Compartilhe
Imprimir ou enviar por e-mail

Mais Notícias

 






Sede: Salvador - Bahia - Brasil / 71 3555-3355 / salvador@avsi.org - Filiais e escritórios: Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Roraima.