AVSI COMUNICA /

SINEBAHIA OFERECE OFICINA DE EMPREGABILIDADE PARA O SEMENTE DE CIÊNCIA

A atividade foi uma oportunidade para os jovens se informarem sobre o mercado de trabalho
Publicada em 20/02/2014

A partir de uma parceria estabelecida entre o Projeto Semente de Ciência e o SineBahia foram realizadas duas oficinas de empregabilidade ontem, 19. Ministrada pela psicóloga do SineBahia, Joilma Nobre, a oficina contou com a participação de aproximadamente 65 alunos pela manhã e 120 pela tarde, na Organização de Auxílio Fraternal, sede do Semente, em Salvador.

 

Para Milena Nunes, coordenadora pedagógica do Projeto, "a atividade do SineBahia tem o diferencial da possibilidade de inserir no mercado de trabalho alguns dos jovens". “É uma oportunidade de capacitar os jovens para que eles tenham um olhar mais técnico sobre o mercado de trabalho”, complementa Priscila Crisostomo, técnica social do projeto.

 

A primeira parte da oficina foi chamada pela palestrante Joilma Nobre de "exposição dialogada", na qual os temas eram expostos por ela dinamicamente, interagindo com os alunos. A segunda metade da atividade constava no cadastramento e orientação dos alunos no sistema do SineBahia, a fim de que eles possam ser chamados posteriormente para preencher vagas oferecidas pelo órgão.

 

Dentre as discussões feitas na exposição dialogada, estão temas como empregabilidade, planejamento de carreira, confecção de currículo e  postura profissional. Os alunos dos dois turnos responderam às provocações de Joilma, tornando a oficina um sucesso.

 

“A oficina vai ser importante para ingressarmos no mercado de trabalho, aprendermos como nos portar em uma entrevista”, opina Teresinha Brito, aluna do Semente de Ciência, além de enfatizar possibilidade de aplicar seus conhecimentos adquiridos dentro do curso no mercado de trabalho.

 

Joilma informa que o aluno que participa da oficina de empregabilidade tem a vantagem de ampliar seus conhecimentos acerca do mercado de trabalho; analisar criticamente sua postura diante de uma proposta de emprego, podendo adotar mudanças comportamentais, favorecendo-o quando inserido em um processo seletivo; e pesar as ações que o próprio aluno faz para contribuir na sua trajetória profissional.

 

A oficina é apenas umas das formas de o Projeto complementar o currículo do curso, tornando a aprendizagem e a inserção no mercado de trabalho ainda mais efetivas.

 




Compartilhe
Imprimir ou enviar por e-mail

Mais Notícias

 






Sede: Salvador - Bahia - Brasil / 71 3555-3355 / salvador@avsi.org - Filiais e escritórios: Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Roraima.