Anuncio

Programa Viva Sabiá

RN
Em Andamento

Período:

  • Dez/ 2021 a Maio/2022

ODS:

  • 3 Saúde e Bem-Estar
  • 4 Educação de Qualidade
  • 6 Agua potável e saneamento
  • 11 Cidades e Comunidades Sustentáveis
  • 17 Parcerias e Meios de Implementação

Financiadores:

  • Grupo PetroReconcavo

O programa Viva Sabiá, realizado pelo Grupo PetroRecôncavo em parceria com a AVSI Brasil, surge para dialogar com comunidades do Rio Grande do Norte, tendo como eixo principal a melhoria do acesso à água. Este pilar inclui: a implementação de sistemas de potabilização da água por meio da irradiação solar (Sistema Aqualuz); a realização de oficinas de educação socioambiental para uso e consumo de água e estudos sobre a importância do acesso à água potável e saneamento. O monitoramento, avaliação e divulgação da experiência em nível comunitário e institucional também fazem parte da ação. O programa tem foco em responsabilidade social e sustentabilidade.

O público-alvo é formado pelas comunidades de Monte Alegre 1, Monte Alegre 2, Lajes e Livramento e Olho d’agua da Onça, pertencentes aos municípios Upanema, Governador Dix-Sept Rosado e Caraúbas, localizados no entorno das atividades do Ativo Potiguar E&P. O principal objetivo é promover o desenvolvimento socioeconômico e ambiental local, mediante o diálogo e ações participativas entre a comunidade e a empresa Potiguar.

O programa Viva Sabiá foi pensado a partir de um diagnóstico participativo elaborado pela AVSI Brasil nos territórios de intervenção da Potiguar E&P. O estudo possibilitou identificar fragilidades e as potencialidades locais, permitindo assim a elaboração de diretrizes e intervenções. Foram definidos 4 pilares de desenvolvimento sustentável que norteiam as ações do programa: meio ambiente, socioeducacional, voluntariado corporativo, economia circular e empreendedorismo.

 

Sistema Aqualuz

A metodologia com o foco na melhoria do acesso a água está sendo realizada através de uma parceria com a SDW, uma startup que desenvolveu o Aqualuz, um sistema que potabiliza a água de cisterna por meio da irradiação solar. O sistema purifica a água e retira os microrganismos, evitando doenças e garantindo água potável para o consumo humano. Ainda se tratando do desenvolvimento do projeto, será realizada avaliação qualitativa da água antes e depois do tratamento com o Aqualuz. Estão previstos ainda acompanhamento técnico e social para monitoramento da iniciativa além de encontros e oficinas com as comunidades incluindo o tema da água.

 

Resultados alcançados (2021)

  • Relacionamento consolidado e plano de sustentabilidade em diálogo com as comunidades;
  • 200 pessoas das comunidades e 55 crianças de 01 escola com acesso à água potável para o consumo humano;
  • Infraestrutura de acesso à água para uso doméstico identificada com impacto para mais de 400 pessoas.