Revitalizar 3

MG
Em Andamento

Período:

  • Abr/2020 a Jul/2021

ODS:

  • 10 Redução das Desigualdades
  • 16 Paz, Justiça e Instituições Eficazes
  • 17 Parcerias e Meios de Implementação

Parceiros:

  • Prefeitura Municipal de Belo Horizonte (MG), Fundação de Parques Municipais, Zoobot, Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG e 1º Batalhão de operações em Desastres (BOED)

Financiadores:

  • Vara de Execuções Penais de Belo Horizonte (VEP) – TJMG

Diante do sucesso das duas primeiras edições, foi aprovado no edital 01/2020 da Vara de Execuções Penais da Comarca de Belo Horizonte – VEP/BH, a terceira edição do projeto, renovado por mais doze meses.

METODOLOGIA

O beneficiário, após receber a sentença condenatória, se apresenta ao Setor de Fiscalização de Penas Substitutivas (Sefips) da Vara de Execuções Penais, cuja equipe técnica procede o seu cadastramento e entrevista. Os que se encaixam no perfil para executar as atividades nos parques, são orientados a se apresentarem para a formação em “Noções Básicas de Brigadista Florestal” ministrada pelos bombeiros comunitários do Batalhão de Operações em Desastres.

Além da capacitação técnica, o curso também aborda com os sentenciados as noções de cidadania, comprometimento no cumprimento da pena e a importância do cuidado com o meio ambiente e espaços públicos. Proporcionando maior envolvimento dos cumpridores com a comunidade e a responsabilização em virtude da pena.

OBJETIVO E RESULTADOS ESPERADOS 

objetivo é dar continuidade as ações implementadas e em execução nas propostas anteriores. O ano III prevê a formação em brigadista florestal de mais 250 novos sentenciados. Além do encaminhamento e o acompanhamento deste público e dos 292 beneficiários já inseridos no projeto nas atividades dos parques e áreas verdes de Belo Horizonte. Formações complementares para 100 beneficiários e ações trimestrais de mutirões de revitalização de espaços específicos também estão na programação.