AVSI COMUNICA / Notícias

GRUPOS DE REFUGIADOS VENEZUELANOS PRODUZEM MÁSCARAS DE PROTEÇÃO EM RORAIMA

A iniciativa é gerenciada pela AVSI Brasil como prevenção a pandemia do novo coronavírus
Publicada em 02/06/2020
A ação visa distribuir as máscaras para a própria população dos abrigos

 

Grupos de costura estão sendo mobilizados dentro dos seis centros de acolhida geridos pela AVSI Brasil em Roraima. O objetivo da ação é iniciar e aumentar a produção de máscaras de proteção contra a COVID-19. Neste sentido, os grupos se reúnem diariamente em um local cedido pela AVSI Brasil, onde é possível que a produção aconteça respeitando o distanciamento social e as medidas de segurança e saúde.

 

As equipes são formadas por aprendizes, que escolhem as estampas e moldam os tecidos, além das costureiras, que ficam responsáveis pela finalização das máscaras na máquina de costura. A ação também conta com uma equipe de limpeza que se responsabiliza pela higienização e organização dos espaços de produção.

 

“Iniciativas como essa são parte de uma cadeia. Às vezes, possibilitar que esse tipo de trabalho seja realizado em grupo e com um objetivo maior planta sementes que sequer imaginamos a nível individual, em termos de autonomia, ideias e criatividade. Isso é sempre muito positivo para as populações em trânsito, refugiadas ou que vivem algum tipo de vulnerabilidade”, afirma Leticia de Oliveira, oficial de participação comunitária.

 

A ação visa distribuir as máscaras para a própria população dos abrigos e também em alguns pontos específicos das cidades de Pacaraima e Boa Vista, além de fortalecer o trabalho em equipe e nutrir o talento dos refugiados seja com a costura, quanto no âmbito da liderança.

 

A produção de máscara é fruto da parceria entre AVSI Brasil e a frente de soluções duráveis do ACNUR (Agência da ONU para refugiados), fazendo parte do conjunto de iniciativas para a contenção da COVID-19 com os refugiados que estão em Roraima. A redução de número de pessoas circulando entre os espaços comuns dos abrigos, distribuição de itens de higiene para os refugiados e uma força-tarefa de limpeza dos centros de acolhida também foram medidas adotadas para fortalecer a prevenção durante a pandemia.



Links relacionados


Compartilhe
Imprimir ou enviar por e-mail
Mais Notícias

 






Sede: Salvador - Bahia - Brasil / 71 3555-3355 / salvador@avsi.org - Filiais e escritórios: Ceará, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Roraima.